Foto notícia

Nova epidemia de malware está surgindo na Europa nesse exato momento. 

A infecção ocorre através de um Worm que permite a infecção sem intervenção do usuário (semelhante ao Wannacry). Possui dois níveis de criptografia: um que criptografa arquivos nos computadores das vítimas, e outro que criptografa estruturas NTFS eliminando a possibilidade de recuperar arquivos bem como amostras do ransomware.

O ataque de alcance massivo do Ransomware WannaCry tirou o sono de profissionais de segurança em todo o mundo. A ameaça, que sequestra os dados de suas vítimas, pode gerar prejuízos enormes. 

Esta vulnerabilidade está descrita no seguinte link do boletim de segurança da Microsoft. Veja aqui.

Como devo me proteger de ransomware?

Para se proteger de ransomware você deve tomar os mesmos cuidados que toma para evitar os outros códigos maliciosos, como ter um antivírus instalado e ser cuidadoso ao clicar em links ou abrir arquivos. Fazer backups regularmente também é essencial para proteger os seus dados pois, se seu equipamento for infectado, a única garantia de que você conseguirá acessá-los novamente é possuir backups atualizados. O pagamento do resgate não garante que você conseguirá restabelecer o acesso aos dados.